PUB

Saúde

Estudantes cabo-verdianos estiveram de quarentena na China

Quatro estudantes cabo-verdianos, que frequentam uma universidade na China, estiveram de quarentena por um período de 21 dias, por precaução por causa do ébola. Os quatros estudantes regressaram à China depois de um período de férias em Cabo Verde.
Ouvido pela RCV, o director-geral do Ensino Superior confirmou este facto, desdramatizando, ao mesmo tempo, esta situação que considera normal. José Mário Correia vê esta decisão como uma medida de carácter interno.
“Cada país é responsável pelas decisões de carácter interno e a universidade foi-nos informando do que é que estava a passar. Significa que para além desses quatro há 18 outros que ainda não seguiram viagem”, explicou.
O director-geral do Ensino Superior garantiu, no entanto, que a universidade teve o cuidado de preparar um programa supletivo de recuperação escolar a favor desses alunos, “como forma de os igualar aos seus colegas”.

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top