PUB

Sociedade

Portugal: Cabo-verdiano mata à facada colega em hotel

Um jovem de origem cabo-verdiana que trabalha no Corinthia Hotel Lisbon, em Lisboa, Portugal, desferiu uma facada mortal num colega de cozinha, onde trabalhavam.
Segundo o Correio da Manhã, Gidson, 32 anos, atacou Emeric Kadar, 51 anos, depois de um desentendimento no local de trabalho, um hotel de cinco estrelas, que juntou insinuações e “bocas” sobre o sexo.
As insinuações, de acordo com os relatos, começaram durante o dia de sábado, e por volta das 17 horas. O jovem terá ficado aborrecido e desferiu um único golpe que se revelou mortal para o romeno que morreu no local.
Depois do ocorrido, Gidson ter-á-se refugiado na despensa e foi trancado pelos restantes colegas até à chegada da PSP que deteve o jovem que não ofereceu resistência.

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top