PUB

Fogo

Fragata portuguesa chega terça-feira com helicóptero e telefones satélite

O embaixador de Portugal em Cabo Verde, Bernardo de Lucena, confirmou a vinda da fragata Álvares Cabral para apoiar os serviços de protecção civil de Cabo Verde em missões de apoio e evacuação médica e humanitária, o quadro das acções com vista a fazer face à situação de “catástrofe” provocada pela erupção do vulcão do Fogo, que ocorre desde domingo.
A fragata Álvares Cabral deixa Portugal nas próximas horas, provavelmente na madrugada desta sexta-feira, devendo chegar a Cabo Verde na próxima terça-feira.
Esta ajuda humanitária vem na sequência de um pedido formulado a Portugal, no sentido da disponibilização de meios navais e aéreos, meios de comunicação por satélite e algum material de protecção civil, bem como o apoio técnico na área de geofísica e da vulcanologia.
«Vamos tentar satisfazer todos estes pedidos… Nas próximas horas a fragata Álvares Cabral sairá de Lisboa e chegará a Cabo Verde nos próximos dias e, julgo eu, que trará praticamente tudo o que é prioritário, de acordo com a lista que nos foi fornecido», frisou o embaixador.
A fragata trará, também, 20 telefones satélites e um helicóptero, que «facilitas as manobras de desembarque e operar em situações de emergência».
Ainda não se sabe se a fragata Alves Cabral ficará estacionada na cidade da Praia ou ao largo da ilha do Fogo.
Entretanto, o diplomata português não exclui a possibilidade de o seu país vir a conceder mais apoios a Cabo Verde, concretamente a população da ilha do Fogo.

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top