PUB

Mundo

Risco de ataque iminente da Al-Qaeda? Telemóveis viajam no porão

Autoridades dos EUA e do Reino Unido estão a levar muito a sério as pistas de que a Al-Qaeda prepara uma série de ataques antes do Natal. Dispositivos eletrónicos podem ter de viajar no porão.
O Reino Unido e os EUA estão a ponderar várias medidas de segurança para fazer face a uma ameaça de ataque da Al-Qaeda que está a ser levada muito a sério. Relatos dos serviços secretos apontam para que esteja em preparação um plano da unidade terrorista que tem como alvo o Reino Unido e a Europa e como objetivo um ataque simultâneo a cinco aviões comerciais. As autoridades admitem limitar o transporte quaisquer dispositivos eletrónicos ao porão ou mesmo proibir a bagagem de mão.
O estado de alerta das autoridades no Reino Unido foi noticiado pelo jornal The Express no início da semana. “Disseram-nos que pode haver um ataque a cinco aviões, num ataque de grande escala a acontecer antes do Natal. Estão à espera de um ataque grande”, disse ao jornal uma fonte da segurança do aeroporto de Heathrow, em Londres.
A mesma fonte comentou que “temos tido vários sustos mas este quase levou a que a bagagem de mão fosse proibida em todas as transportadoras”. Segundo o The Express, as autoridades estão no encalce destes planos há cerca de dois meses. “A ameaça continua viva e é bem real“, acrescentou a fonte, a razão por que continua em cima da mesa a possibilidade de proibir o transporte de “smartphones”, “tablets” e computadores junto aos passageiros.
“Todos os dispositivos eletrónicos podem ser proibidos de viajar com a bagagem de mão, isso foi equacionado”, notou a fonte da segurança do aeroporto. Os níveis de alerta estão em alta devido ao regresso de “jihadistas” que estiveram a combater com extremistas no Estado Islâmico no Iraque e na Síria, indivíduos com passaporte europeu. Ainda há cerca de um mês foi morto um francês de 24 anos, David Drugeon, que terá sido treinado por um dos principais produtores de explosivos da Al-Qaeda. Outros cidadãos europeus poderão ter recebido a mesma formação, que inclui a criação de bombas que se escondem em aparelhos eletrónicos

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top