PUB

Política

PM inaugura e entrega chaves de «Casa para Todos» em Calheta de São Miguel e Ponta d´Água

O Primeiro-Ministro, José Maria Neves, preside, neste domingo, 21 de Dezembro, a cerimónia de inauguração e entrega das chaves aos beneficiários dos complexos de moradias, no âmbito do programa «Casa para Todos», em Calheta de São Miguel e Ponta d´Água, cidade da Praia.
A primeira cerimónia, na cidade de Calheta de São Miguel, decorre às 15H00, enquanto a entrega das chaves aos primeiros beneficiários do complexo de Ponta d´Água acontece às 18H00.
Participam dos actos ainda o Ministro do Ambiente, Habitação e ordenamento do Território (MAHOT), Antero Veiga, representantes das câmaras municipais locais e responsáveis da Imobiliária, Fundiária e Habitat SA. (IFH), instituição gestora do programa sob a tutela do MAHOT.
Quanto ao complexo habitacional de S. Miguel, este está orçado em 166.222.277 ECV (cento e sessenta e seis milhões, duzentos e vinte e dois mil e duzentos e setenta e sete escudos), comporta um conjunto de 50 habitações de interesse social, sendo 34 para classe A (14 T2 e 20 T3) e 16 destinadas à Classe B (6 T2 e 10 T3).
Já o empreendimento de Ponta d’Água integra 72 habitações de interesse social, sendo 42 para a Classe A (12 T2 e 30 T3) e outras 30 para a Classe B, sendo 10 T2 e 20 T3 e está orçado em 273 971 000,00 ECV (duzentos e setenta e três milhões, novecentos e setenta e um mil escudos).
Ambos os conjuntos habitacionais estão dotados de todas as infra-estruturas básicas, nomeadamente equipamentos urbanos de abastecimento de água e escoamento de esgotos e de energia eléctrica; iluminação pública; drenagem de águas pluviais; pavimentação de vias; passeios e circulação; parque infantil e espaços verdes incluindo plantação e tratamento de árvores. Trata-se de empreendimentos que proporcionam, perfeitamente, a integração no tecido social e urbano.
No âmbito do “Programa Casa para Todos” está prevista a construção de um total de 6.010 Habitações de Interesse Social, das quais foram já construídos 1258 fogos e 77 espaços comerciais.
Neste momento, está a decorrer a construção de 4.752 habitações referentes a 34 empreitadas das 50 programadas, tornando-se assim realidade o “sonho” de casa própria e de um habitat condigno para centenas de famílias.

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top