PUB

Sociedade

50% das receitas da venda de “Crianças di Terra 2” para Chã das Caldeiras

As Aldeias Infantis SOS de Cabo Verde juntamente com o produtor do CD “Crianças di Terra 2” querem doar 50 por cento (%) das receitas arrecadadas com as vendas do álbum, para os desalojados de Chã das Caldeiras.
Numa conversa preparada com os jornalistas, Swaila Pereira, coordenadora de relações públicas e parceria das Aldeias SOS avançou que esta instituição de cariz social, que opera há 30 anos em Cabo Verde, viu, com este gesto, uma forma de também dar o seu contributo para as crianças e famílias que passam nesse momento por algumas dificuldades e privações devido a um desastre natural.
“Se a ilha do Fogo está a sofrer é uma forma que encontramos para dar o nosso contributo”, afiança.
O álbum já se encontra disponível para venda em vários postos das ilhas de São Vicente e Santiago (Praia).
Para o artista e produtor deste disco, Nando da Cruz, este álbum que gravou em prol das crianças é “muito especial”. “É diferente dos outros projectos. Faço-o com amor e carinho e espero que as pessoas gostam e adquiram o CD”.
O álbum “Crianças di Terra 2” e tem duas faixas. A primeira com o mesmo nome d trabalho discográfico contou com participações de Nana, Cremilda Medina, Sasha Alhinho e Joceline Medina e o arranjo musical de Kim Alves. Já a segunda “Flan pamodi” contou com a participação especial de Meno Pecha.
O álbum foi colocado à venda em Setembro de 2014, mas a sua promoção começou alguns meses mais cedo. CG

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top