PUB

Sociedade

Aventura: Caminheiros Sem Fronteiras “exploram” São Tomé e Príncipe

O grupo “Caminheiros Sem Fronteiras” (CSF), da cidade da Praia, parte, esta quinta-feira, 30, para “as Ilhas Maravilhosas” (São Tomé e Príncipe), em mais uma edição de caminhada, à semelhança do que já acontecera, principalmente, na ilha de Santiago.
Mais de 50 pessoas vão aproveitar o final de semana prolongado para conhecer, pela primeira vez, São Tomé e Príncipe. Em mais de uma década de existência, é a primeira vez que “Caminheiros Sem Fronteiras” aventura-se fora do país, para caminhadas em terras desconhecidas.
O itinerário do passeio que começa amanhã, sexta-feira (1 de Maio) e termina domingo (3), dia do regresso a Cabo Verde, contempla um banho numa das praias são-tomenses, a par de passagens pelas roças Agostinho Neto (antes da Independência, a 12 de Julho de 1975, chamava-se Rio d’Ouro), e Monte Café – as duas com maior presença de cabo-verdianos e descendentes -, a Roça “Bombaim”, e o bairro Ubabudo – periférica à  cidade de São Tomé  e onde residem muitos crioulos.
A caminhada contempla, ainda, visitas ao Jardim Botânico, Lagoa Amélia e a Cascata São Nicolau.
A expectativa em torno desta caminhada é elevada e os caminheiros  de plantão  – formado por pessoas de idades compreendidas entre os 25 a 55 anos), estão ansiosos e prontos a aproveitarem os momentos, apreciarem as paisagens e registarem em cliques fotográficos e fílmicos a primeira aventura fora do país.
 
Os CSF já realizaram caminhadas em todos os concelhos das ilhas de Santiago e do Maio, descobrindo e redescobrindo as localidades mais encravadas, assim como ao Fogo, onde fez uma caminhada a Chã das Caldeiras, com subida ao Vulcão do Fogo (2829 metros de altitude). CG 

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top