PUB

Política

“Não há manifestações grandes ou pequenas, há manifestações” – José Maria Neves

O primeiro-ministro, José Maria Neves, escreveu na sua página na rede social Facebook que não importa o tamanho ou expressividade sobre manifestações. “ (…) não há manifestações grandes ou manifestações pequenas, há manifestações”.
José Maria Neves reagiu assim à questão colocada na manhã deste domingo, 3, à margem da corrida da Liberdade de Imprensa realizada este domingo pela AJOC, sobre a manifestação que aconteceu na passada sexta-feira, 1 de Maio, dia internacional do trabalhador, onde apareceram pouco mais de 300 pessoas.
O primeiro-ministro que considera que a manifestação foi um “fiasco” argumentou, no entanto, que quem está a governar deve estar sempre atento às reivindicações, e àquilo que as pessoas dizem. “As reivindicações, muitas ou poucas, expressas nos órgãos de comunicação social ou nas ruas ou nas redes sociais ou nos palcos ou no cinema devem sempre merecer todas as atenções, máxime de quem governa. A resultante será sempre fruto de um intenso diálogo entre os parceiros sociais”.
A manifestação foi realizada pelas duas Centrais Sindicais (UNTC-CS e CCSL), com o apoio do MAC#114 (Movimento de Acção Cívica), com uma marcha que partiu da rotunda 1º de Maio e terminou em frente ao Estádio da Várzea com uma paragem em frente ao Palácio do Governo.
Os sindicatos garantiram que a partir de agora, todos os anos será organizado uma manifestação, com participação de todas as ilhas. CG

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top