PUB

Maio

Novo porto para resolver problemas de ligações marítimas do Maio

O Governo, através da Direcção Geral da Mobilidade e Transportes (DGMT), afirmou que os problemas de ligações marítimas do Maio só ficarão resolvidos com a construção de um novo porto.
Anastácio Silva, director-geral da Mobilidade e Transportes afirmou que não é só os problemas de transportes que têm afectado as ligações com o Maio, como também a incapacidade do porto em suportar o tráfego marítimo da ilha. Neste sentido, o governo perspectiva um novo porto para o Maio no 2º semestre de 2017.
“Uma ligação de qualidade e integradora da ilha só estará definitivamente resolvida com a construção de um novo porto. Caso não fossem tão desfavoráveis e irregulares as características do porto e as condições de exploração do transporte marítimo, muito certamente que existiria um trafego muito superior sobretudo com origem na Praia”, assegura.
“A ligação regular para a ilha do Maio agravou-se com a deslocação do navio Sotavento à São Vicente para reparações de segurança e renovação dos certificados, mas infelizmente a Companhia de Navegação Polaris, que tem um contrato de obrigação de serviço público, não informou o MIEM”, explicou Anastácio Silva, acrescentando não ter havido “uma alternativa em tempo útil”.
De entre as soluções, segundo Anastácio Silva, o governo está em processo de negociação de pelo menos dois contractos de concessão de exploração dos transportes marítimos inter-ilhas através de um sistema de Obrigação de Serviço Público (OSP). “Uma das concessões será assegurada pela companhia CVFF que vai ligar a ilha com o navio Praia D’Aguada que se encontra em reparações na Cabnave e, segundo as previsões seguras, estará operacional no mês de Setembro”, avança.
O director-geral da Mobilidade e Transportes falava em conferência de imprensa, na manhã de hoje, 24 de junho, em sequência das declarações da deputada do MpD pelo Maio, Joana Rosa, que denunciou a situação “caótica” por que passa a ilha em relação aos transportes e disse que o Governo “está a brincar com a barriga dos maienses”.
António Neves

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top