PUB

Cultura

“Somá Cambá” faz festival de teatro em São Vicente

“Somá teatro” é o nome da primeira edição do festival de dramaturgia a realizar pelo grupo “Somá Cambá”, do Mindelo. O festival, que decorre de 31 de Julho a 3 de Agosto, pretende divulgar novos trabalhos, promover os elementos do próprio grupo, assim como a cultura, e ainda fomentar ainda mais a prática do teatro em São Vicente.
O grupo Somá Cambá, que tem cerca de dois anos anos de existência e algumas participações em festivais na ilha do Monte Cara (Março, Mês do Teatro e Mindelact, por exemplo), parte agora para uma experiência própria: realizar o seu primeiro festival de dramaturgia.
Com isso, segundo Elton “Tufão” Delgado, presidente e elemento do Somá Cambá, o grupo pretende “apresentar seu mais novo trabalho de dramaturgia, mas também trabalhar na divulgação do grupo, promover a cultura e fomentar a prática do teatro na nossa ilha”.
O “Somá Teatro”, que irá acontecer durante quatro dias (31 de Julho a 3 de Agosto), vai acontecer em parceria com o Centro Nacional de Artesanato e Designer, Companhia Criarteatro e Espaço Jovem . Para isso, a trupe preparou leituras encenadas e dramáticas, reposições e estreias de espetáculos, trazendo para a convivência social, e “de forma artística”, temas e realidades sociais vividas em Cabo Verde.
“O nosso grupo é formado por 22 elementos, a maioria estudantes universitários, e tem vindo transmitindo formações de teatro aos jovens amantes desta arte performativa”, diz Elton Delgado.
Esta primeira edição do Somá Teatro, de acordo com Elton, só terá peças e apresentações dos próprios elementos do grupo. “Não terá participação de outros grupos, pois pretendemos iniciar um ciclo de apresentações somente com os elementos do grupo e dos aprendizes da formação de teatro 2015, mas no ano 2016 queremos convidar outros grupos de São Vicente para participar do nosso festival visto que pretendemos dar continuidade com esse festival de Teatro Somá Teatro”, salientou.
6 ESTREIAS E 4 LEITURAS
O Somá Cambá preparou seis estreias para este primeiro festival, em diferentes palcos do Mindelo. “Panos no Ar”, “Melodia dos Corpos”, “A escolha ou Não”, “Sufoco”, “O elemento” e “A última porta” da Companhia Criarteatro. Ainda, segundo Elton Delgado, todas estas estreias serão feitas por alunos da formação de teatro realizado este ano.
As leituras dramáticas também são de textos do próprio Somá Cambá e apresentados em diversos espectáculos. “A chegada é um espectáculo que foi estreado no ano 2014, no Centro Cultural do Mindelo e apresentado em Santo Antão, com objetivo de seguir um ciclo que está presente num livro, cujo o nome é ‘Corpo Luz’ relatando a vida do autor. Outros textos a serem lidos são “Nas profundezas do meu cú”, estreado no “Março mês do Teatro”, a “Revelação”, e ainda “Ponto G”, ambos continuação da dramaturgia ‘Corpo de Luz’.
Quanto às reposições, o público poderá assistir “Nas profundezas…” e “Pessoa… Pessoa…” e para terminar a programação. Somá Cambá irá apresentar um vídeo “Mindel Prostituta”.
O grupo irá fazer as apresentações no Centro Cultural de Artesanato e Design, e no espaço próprio, sito em frente ao Mercado de Peixe, e nas ruas da cidade com o teatro de rua. Entretanto, estão a aguardar confirmação de mais dois lugares “o Espaço Jovem de Ribeira de Craquinha e a Academia de música Jotamont”, informa Elton Delgado.

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top