PUB

Política

Abaixo-assinado trazido dos EUA por deputado do MpD apela à descida do preço das passagens na TACV

Um abaixo-assinado com mais de três mil assinaturas, trazido dos EUA pelo deputado do MpD, Cândido Rodrigues, apela o Governo a rever “urgentemente” as recentes medidas que ditaram o aumento “exagerado” do preço das passagens dos voos Praia – Providence.
Segundo o deputado o documento acompanhado de uma carta dos emigrantes nos EUA será entregue aos líderes partidários, ao vice-presidente da Assembleia Nacional, aos líderes dos grupos parlamentares e governantes com responsabilidades políticas nesta matéria.
O assunto vai ainda ser levado à plenária da Assembleia Nacional na última sessão que arranca na próxima segunda-feira, 25.
A ideia, de acordo com Cândido Rodrigues, é pedir a ajuda de todos os intervenientes no sentido de pressionar a actual direcção da Transportadora Aérea Cabo-verdiana (TACV) no sentido de rever a sua posição o mais urgente possível.
Em conferência de imprensa hoje, na Cidade da Praia, o parlamentar do MpD disse que essa “subida exagerada” do preço das tarifas prejudica, sobremaneira, a relação que sempre existiu entre a diáspora e Cabo Verde.
“A TACV fechou duma forma irresponsável a porta de entrada dos emigrantes nos EUA ao seu próprio país. Não posso dizer de outra maneira essa inoportuna e desajustada decisão por parte da direcção da transportadora nacional”, sublinhou lembrando que a TACV já tinha diminuído o peso das bagagens e mudado os voos do aeroporto de Boston para Providence sem qualquer estudo prévio.
Cândido Rodrigues disse que os emigrantes ficaram ainda magoados com a chantagem e ameaça de cancelamento dos voos Praia – Providence por parte do presidente do conselho de administração da empresa.
“O impacto destas medidas irá efectar grandemente os investimentos dos nossos emigrantes e já criou uma grande mágoa na nossa comunidade”, realçou.
O deputado do MpD lembra que a TACV é uma companhia do Estado e que está plasmado na Constituição da República que o Governo de Cabo Verde deve suportar as ligações não só a nível do país como também a nível internacional.
Questionado se sugere que seja subsidiada a linha Cabo Verde/ EUA, o deputado adiantou que esta pode ser uma hipótese.
“A TACV só vê o dinheiro que entra directamente no cofre e não vê o impacto dos investimentos dos emigrantes. Portanto a subsidiação poderá ser uma hipótese, se considerarmos os investimentos que os emigrantes fazem na sua terra”, realçou.
O preço dos bilhetes para voos Praia – Providence aumentou nos últimos meses de cerca de 700 para cerca 1.700 dólares.

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top