PUB

Política

Primeiro-Ministro defende diálogos entre culturas e civilizações

O primeiro – ministro, José Maria Neves, defendeu, na cidade de Funchal (Madeira), que o futuro passa por um “intenso diálogo entre culturas e civilizações”. O Chefe do Governo cabo-verdiano falava na sessão de boas vindas que decorreu esta quarta-feira,16, no Palácio de São Lourenço, Madeira, onde foi recebido pelo Representante da República para a Região Autónoma da Madeira, Juiz Conselheiro Ireneu Barreto.
José Maria Neves disse que as pessoas que chegam a Europa poderão constituir-se em novas oportunidades para o desenvolvimento da humanidade. A questão dos migrantes e refugiados foi um dos temas patentes nos discursos de José Maria Neves e de Ireneu Barreto. Ambos convergiram, também, na defesa dos valores históricos e económicos que unem Cabo Verde e a Madeira e que estão na origem da Macaronésia.
A visita de José Maria Neves a Madeira serviu para reforçar as relações bilaterais entre os dois arquipélagos. O Chefe do Governo enalteceu que há muito em comum. “Somos arquipélagos no meio do Atlântico, temos potencialidades turísticas grandes e temos a possibilidade de cooperarmos nos domínios do mar, dos transportes aéreos e marítimos, do turismo, do ensino superior, da ciência e da inovação”.
No encontro com o Presidente do Governo Regional, Miguel Albuquerque, José Maria Neves sublinhou que há que encontrar formas dos dois arquipélagos “se aproximarem mais nos sectores económicos e empresariais”.
Em relação aos arquipélagos da Macaronésia: Cabo Verde, Madeira, Ações e Canárias, o Primeiro – Ministro considera que, também existem “potencialidades enormes que devem ser aproveitadas. Aliás este foi um dos assuntos abordados entre os dois governantes.

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top