PUB

Sem categoria

Destaques da edição 428 do Jornal A NAÇÃO

POLÉMICA NA TACV/GESTORES DIZEM DA SUA JUSTIÇA
João Pereira Silva:
“O Governo é livre para nomear outro gestor”
Adalberto Silva:
“Veto de Mascarenhas inviabilizou privatização”
António Neves:
Privatização da TACV “é um mito”
Victor Fidalgo:
“Seria mais fácil liquidar a TACV e criar outra companhia”
“GUERRA” DE SONDAGENS: PAICV E MPD CONFIANTES NA VITÓRIA
A poucos meses do próximo ciclo eleitoral, os partidos políticos recorrem a estudos de opinião para saber como está a tendência do eleitorado. O primeiro partido a dar sinal de vida neste campo é o PAICV, mas o MpD não lhe fica atrás. Quer um quer outro dizem ter sondagens que lhes dá a vitória. E, em ambos os estudos, a UCID aparece a aumentar de dois para três deputados na Assembleia Nacional.
INPS: CONTRIBUIÇÕES ATINGEM 3,7 MILHÕES DE CONTOS
Dados provisórios do Instituto Nacional de Previdência Social (INPS), relativos ao primeiro semestre de 2015, mostram que o Instituto conseguiu arrecadar cerca de 3,7 milhões de contos só em contribuições, enquanto as despesas rondaram os 1,9 milhões de contos, só no primeiro semestre de 2015. N´dira Pereira, directora administrativa e financeira do INPS mostra-se muito satisfeita com a “solidez financeira e patrimonial” da instituição e destaca ainda os lucros da carteira de investimentos, que atingiram a cifra líquida de um milhão de contos.
O Jornal A NAÇÃO, nº 428, que chega às bancas nesta quinta-feira, 12 de Novembro, traz, ainda, o Caderno ETC. – cujo destaque vai para um actual e alargado dossiê sobre a polémica situação da TACV -, além da coluna de Filinto e das opiniões de José Pedro “Djopan” Oliveira, António Neves e José Miranda.
 

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top