PUB

Economia

PM confirma “situação difícil” na TACV relacionada com mercado mundial da aviação civil

O primeiro-ministro, José Maria Neves, afirmou hoje, na Cidade da Praia, que a situação difícil por que passa a TACV relaciona-se com o próprio mercado da aviação civil em todo mundo.
O chefe do Governo falava aos jornalistas momentos antes de presidir a reunião do Conselho Nacional de Desenvolvimento Empresarial (CNDE) a garantiu que o Governo está a trabalhar para resolver o problema que surge agora com a decisão da IATA de suspender a companhia nacional da câmara de pagamentos.
“Vamos na próxima semana analisar demoradamente os números, os dados existentes. Devo dizer que a situação é difícil, mas TACV já passou por momentos extramente difíceis e complicados e tem a ver com o próprio mercado da aviação civil em todo mundo”, sublinhou.
“A TACV está passar por momento muito complicado, outras grandes empresas já se fundiram ou se aliaram e neste momento temos que concluir os estudos e ver se conseguiremos algum parceiro para podermos definitivamente resolver a questão dos TACV”, acrescentou.
TACV foi suspensa da câmara de pagamentos (clearing house) da Associação Internacional dos Transportes Aéreos – IATA, tendo agora que fazer todos os pagamentos a pronto ou antecipadamente.
Segundo o presidente do conselho de administração da TACV, João Pereira da Silva, a empresa tem agora que fazer pagamentos directos, e em alguns casos antecipados, o que cria “mais problemas” de tesouraria, de imagem e de confiança”.
Pereira Silva explicou que a suspensão está relacionada com o facto de a caução da companhia na câmara de pagamentos da IATA se ter esgotado e não ter sido reposta dentro dos prazos previstos.
Fonte: Inforpress

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top