PUB

São Vicente

Mortes no HBS em São Vicente não estão relacionados com síndrome gripal ou pneumonia

Nos últimos dias os cabo-verdianos têm estado alerta face aos vários casos de gripe e pneumonia relatados e que dão entrada nos serviços de saúde. Diante deste facto a direcção do Hospital Baptista de Sousa (HBS), em São Vicente, esclareceu que as mortes ali registadas nos últimos dias não estão relacionadas com a síndrome gripal ou pneumonia. Ainda assim aconselha os cabo-verdianos a se agasalharem bem para evitar contrair quaisquer patologias.

Ultimamente as temperaturas em Cabo Verde baixaram consideravelmente face ao que era hábito por esta altura do ano. Inclusive há quem defenda que o país pode estar vivenciando as temperaturas mais baixas dos últimos anos. Em São Vicente esta descida de temperatura é responsável por uma série de casos de síndrome gripal e pneumonia.

Segundo dados do HBS, entre Dezembro de 2017 e o último domingo foram registados 1444 casos de síndrome gripal e 72 de pneumonia no banco de urgência de adultos. Estes números são de longe muito superiores aos registados em igual período do ano passado.

Ultimamente cinco pessoas faleceram após dar entrada no estabelecimento de saúde em Mindelo. Um facto que a director do HBS, Ana Brito, afirmou que nada tem a ver com a gripe ou pneumonia, pois as pessoas em causa padeciam de outras patologias.

 “Neste momento já temos os exames prontos e sabemos realmente que não morreram de gripe. Há quadros que confundem inicialmente com a gripe e que podem até estar associados, ou seja ter mais do que uma doença ao mesmo tempo. Mas num  desses casos referidos nestes últimos dias já foi confirmado de que não se tratava de gripe. Nos outros casos pudemos ver que havia mais coisas, até porque eram pessoas com doenças crónicas que facilmente descompensam e que não estavam compensados”, disse Ana Brito aos órgãos de comunicação públicos.

Em relação ao banco de urgências de pediatria do HBS, este ano regista mais casos de síndrome gripal e pneumonia comparado com Dezembro de 2016 a Fevereiro do ano passado. As crianças e os idosos são mais susceptíveis de apanhar uma gripe ou uma pneumonia por causa das temperaturas mais baixas que se registam este ano. Por isso a directora do HBS alerta a população para agasalhar bem e que quem está com sintomas de gripe deve ter alguns cuidados.

“Neste momento muitos estão susceptíveis de apanhar uma gripe, mas nos primeiros dias o que devemos fazer é repousar e beber muitos líquidos, água, sumos, chás, caldos, usar paracetamol para os sintomas como as dores de cabeça e no corpo e para a febre. Tentar evitar contagiar outras pessoas”.

Em caso de sintomas de gripe a directora do HBS pede a todos s procurar o centro de saúde mais próximo da sua residência para evitar sobrecarregar os bancos de urgência do hospital central de São Vicente e apanhar outras doenças”.

“Aqui fica-se aglomerado num espaço muito curto e há pessoas com diversos tipos de patologia. Alguns podem ter pneumonia e outros uma gripe e quem tiver gripe pode agora ir contrair a pneumonia”.

A directora do HBS garantiu que o Ministério da Saúde está a averiguar para saber se se está perante uma nova estirpe do vírus de gripe em Cabo Verde, algo que poderá ser confirmado ou não nos próximos dias.

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top