PUB

Santiago

Praia: Homem que matou cadela “Nina” à facada foi identificado para procedimentos legais – PN

Através de um comunicado, a Polícia Nacional garantiu hoje que o autor do ataque, que levou à morte da cadela “Nina”, no Alto da Glória, foi “devidamente identificado” para os procedimentos que se impõe, do ponto de vista legal. O acto, conforme apurado agora pela PN, remonta a Novembro de 2020.

A PN, segundo diz, tomou conhecimento do caso através das redes sociais, através do vídeo que imediatamente se tornou viral.

O indivíduo em causa, maior de idade e residente em Alto da Glória, teria desentendimentos com o dono do animal.

“Feitas as diligências preliminares, aferiu-se que os factos remontam de 17 de Novembro de 2020, por volta das 8h. Concluiu-se que a origem das agressões, se prende com sucessivos desentendimentos entre o dono do animal e o autor das agressões”, lê-se em nota publicada no Facebook.

Inclusive, acrescenta a PN, no mesmo dia, o indivíduo já teria tentado ceifar a vida do cão e ameaçado de morte também o dono.

Conforme noticiou anteriormente o A NAÇÃO, o vídeo em questão, mostra o momento em que um jovem desfere golpes de faca contra uma cadela, chamada “Nina”, que acabou por falecer, momentos depois, em decorrência dos ferimentos.

As imagens causaram revolta nas redes sociais, tendo suscitado reações de instituições de proteção animal e médicos veterinários, dado o nível de violência praticado pelo indivíduo.

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top