PUB

Economia

Técnicos do Cadastro Social Único com três meses de salário em atraso 

Um grupo de técnicos que trabalham no Cadastro Social Único, na ilha de Santiago, estão indignados com o atraso de três meses de salário, entre os meses de Maio e Agosto de 2021. Em entrevista ao A Nação, dizem-se agastados com as inúmeras vezes em que os responsáveis garantiram que o problema estaria na fase final de resolução.

“Somos cinco numa mesma câmara municipal, mas sabemos que a situação é a mesma em todos os municípios do país. Fomos contratados pelo Ministério da Família e Inclusão Social, que são os responsáveis pelo pagamento. A autarquia, no caso, é a entidade que gere o processo, dentro de cada município”, explicou o porta- voz.

Em anonimato, estes jovens, alguns com contrato de prestação de serviço desde Maio, e outros desde Junho de 2021, asseguram que a renovação do contrato de trabalho deu-se durante a época eleitoral, com o apoio de um parceiro internacional.

“Os nossos contratos foram renovados durante o processo de eleição, e como não poderia ser o ministério a pagar, por questões que estão ligadas à lei eleitoral, fizeram os contratos através de uma parceria internacional”, esclareceu.

Foi assinado um contrato de três meses, com um salário de 30 mil escudos mensais, e sem descontos, conforme conta a nossa fonte.

“No meu caso, já vai fazer cinco meses e ainda não recebi o salário de nenhum mês”, assegura.

“Já reclamamos por inúmeras vezes e sempre dizem que o problema está na reta final de resolução. Entretanto, já se passaram quase dois meses desde o fim do contrato, com esta mesma justificativa”, indaga, questionando ainda quem é que assume a responsabilidade pelos seus salários, já que, segundo diz, o parceiro internacional até agora não cumpriu com as suas responsabilidades.

Até o fecho desta peça não foi possível ouvir o coordenador nacional do Cadastro Social Único.

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top