PUB

Mundo

Previsão Científica: Asteróide passa perto da Terra 

O Asteróide poderá ser observado por telescópios. Segundo a NASA (Administração Nacional da Aeronáutica e Espaço, que em Inglês significa:  “National Aeronautics and Space Administration”, — ele não representa nenhum risco para o Planeta Terra. 

Na tarde da próxima terça-feira, 18, um grande Asteróide  – escreve odia.com.br -, vai passar próximo à Terra.

De acordo com a NASA, ele não representa nenhum risco para a Terra. Identificado como 7482 (1994 PC1), o Asteróide tem, aproximadamente, de 1,1 quilómetros de diâmetro.

Passa a 1,2 milhão de quilómetros, ou seja: a  mais de cinco vezes a distância entre a Terra e a Lua.

Apesar da distância, o Asteróide poderá facilmente ser observado por telescópios. A maior dificuldade para conseguir enxergá-lo pode ser a luz da Lua Cheia.

Ainda segundo a Agência Espacial Norte-Americana, o 7482 (1994 PC1) aparecerá como um ponto de luz, passando na frente das estrelas, ao longo da noite.

Lembrete 

O Asteróide foi descoberto em 1994, é pertencente ao Grupo Apollo e dá uma volta completa ao Sol, a cada 572 dias.

Até o momento, o mais perto que ele chegou da Terra foi em 17 de Janeiro de 1933, quando ele passou a 1,1 milhões de quilómetros de distância.

Ainda de acordo com a NASA, os asteroids, geralmente, são compostos por materiais rochosos, empoeirados e metálicos. A maioria deles orbita no cinturão de asteróides principais, mas alguns seguem caminhos que circulam no interior do Sistema Solar.

PUB

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado.

PUB

PUB

To Top