PUB

Sociedade

Polícia Nacional detém sete indivíduos suspeitos de assaltos à mão armada

A Polícia Nacional (PN) deteve, este sábado 19 de Outubro, sete indivíduos suspeitos de estarem envolvidos em casos de assaltos à mão armada, ocorridos nos últimos dias na cidade da Praia.

Conforme um comunicado da Direcção da Polícia Nacional, os sete suspeitos foram detidos na sequência do cumprimento de cinco mandados de buscas e apreensão, em seis residências na Cidade da Praia, sitas nas zonas de Fundo Cobon, Brasil, Eugénio Lima e Achada Mato.

Conforme a mesma fonte, um indivíduo foi detido em flagrante delito, por posse de duas armas de fogo e munições diversas. E quatro indivíduos (sendo 1 ex-recluso) foram detidos fora de flagrante delito.

Um destes detidos é o taxista envolvido no roubo à mão armada perpetrado por três indivíduos a um minimercado pertencente a um cidadão chinês, na Várzea da Companhia na Praia, no passado dia 14, a quem tinha sido aplicado, como medida de coação, o Termo de Identidade e Residência (TIR). Todos os suspeitos são do sexo masculino e de nacionalidade cabo-verdiana.

A operação contou com um contingente de 64 efetivos, tendo culminado com a apreensão de várias armas de fogo, munições de diferentes calibres, armas brancas, telemóveis, peças de vestuários e calçados. E ainda eletrodomésticos, objectos em ouro, goros, luvas e a quantia de cerca de 4 milhões de escudos, em dinheiro estrangeiro e nacional.

Segundo o comunicado da PN, os mandados foram emitidos pelo Juízo Crime da Comarca de Santa Catarina, na sequência de uma investigação levada a cabo e que se relaciona com os casos de assaltos à mão armada ocorridos ultimamente na Capital do País e na cidade da Assomada.

A PN informa ainda, no decorrer desta operação, a polícia, através do Centro de Comando e do Serviço 132, foi chamada a intervir num roubo que ocorria num dos armazéns em Achada Grande Frente, com ferimento, com arma branca, ao guarda que se encontrava de serviço e deteve, em flagrante delito, os dois assaltantes.

Os detidos serão apresentados nas próximas horas, ao poder Judicial, para o primeiro interrogatório e aplicação da medida de coação.

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top